23 setembro 2010

PF e Anvisa apreenderam 20 mil caixas de remédios no Cariri Cearense

    A Polícia Federal e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) apreenderam 20 mil caixas de remédios, cheques e R$ 56 mil no município de Pena Forte, no Cariri cearense.
    A operação de combate ao comércio clandestino foi realizada em farmácias de 4 cidades do interior do Ceará e de Pernambuco.
    "Delegado diz que os acusados podem ser condenados a uma pena que varia de 5 a 30 anos de reclusão."
    Entre os presos, estão 2 homens que foram levados para e Delegacia da Polícia Federal de Juazeiro do Norte.
    Entre os medicamentos apreendidos estão remédios controlados (tarja preta) e ainda medicamentos para impotência sexual, fabricados no Paraguai, que tem a comercialização proibida no Brasil.
    De acordo com o delegado que apura o caso, os envolvidos podem responder por tráfico de drogas, crime contra a saúde pública e porte ilegal de armas, já que um revólver foi encontrado na farmácia. A pena pode variar de 5 a 30 anos de reclusão.

Fonte: Portal Verdes Mares

Confira reportagem na íntegra, clique aqui.