08 novembro 2013

PROJETO obriga as Farmácias de manipulação a incluírem bula em seus preparados magistrais medicamentosos.


 A Câmara dos Deputados aprovou ontem a proposta que obriga as farmácias de manipulação a incluírem bula em seus medicamentos.
Pelo projeto, a bula terá que conter dados como a composição do remédio, indicações e contraindicações, uso durante a gravidez e lactação, precauções e advertências, interações medicamentosas, reações adversas, posologia e superdose. O projeto foi aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça. Se em cinco dias um recurso não for apresentado, a proposta segue para o Senado.

Fonte: Folha de S. Paulo