26 agosto 2015

Surpreender o cliente é a chave para driblar a crise

Em recente pesquisa da Nova/sb sobre os hábitos de consumo e como a crise afeta o comportamento do consumidor, ficou claro que todos querem gastar menos sem abrir mão da qualidade. Para isso, é importante pesquisar para comprar de forma inteligente e planejar mais para comprar apenas o que é essencial.

Algumas empresas já estão atentas a essas mudanças e na maneira com que o consumidor se relaciona com os seus produtos e conseguem entregar algo melhor por um preço cada vez mais competitivo. Academias que reduziram o preço sem perder a qualidade, empresas que adequaram o design de suas embalagens e a qualidade de seus produtos após ouvir os anseios dos clientes, dentre outros tantos exemplos, acabam ganhando mercado e atraindo a confiança do consumidor.

Em momentos de crise todos querem gastar menos sem abrir mão da qualidade Em momentos de crise todos querem gastar menos sem abrir mão da qualidade

Um importante passo para driblar a crise é buscar empresas que te deixam seguro na hora de comprar. Em tempos de incerteza, a empresa que oferece certeza dá um passo à frente. Oferecer canais fáceis de atendimento e respeitar o consumidor ouvindo atentamente suas dúvidas a fim de resolver os problemas, propor recompra do produto usado com boa avaliação de valor, oferecer comparadores de preços podem ser ótimas formas de surpreender o consumidor, respeitando seus anseios. Um bom exemplo foi a campanha da companhia aérea americana JetBlue que oferece a garantia de devolução da diferença, caso o preço da passagem aérea comprada entre em promoção após a sua compra.

A maioria dos entrevistados pela pesquisa feita pela Nova/sb informou que diminuirá os gastos com presentes, festas e celebrações e com alimentação fora de casa.

Muitos estão abrindo mão da conveniência e indo mais longe para encontrar melhores ofertas. Diminuir as visitas aos supermercados e optar por grandes atacados como Makro, Sam’s têm sido a opção de muitos em prol de uma maior economia.

Ir além das garantias mínimas impostas pelo Código de Defesa do Consumidor e ousar, trazendo ofertas realmente interessantes e que acolher o cliente na hora da compra é a atitude ideal para empresas que querem se manter ilesas da crise.


Fonte : Squimb Conteúdo